♥ Seguidores♥

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Não Vamos Pagar!

Não Vamos Pagar!
Dario Fo e Franca Rame.
Não vamos pagar! é uma comédia ágil e provocativa que desenrola a partir de uma reclamação contra a alta de preços num supermercado que desencadeia uma série de situações surpreendentes e inesperadas. Constrói-se uma rara e inteligente combinação de crítica social e humor. 
Sinopse: Antônia e Margarida não conseguem chegar ao fim do mês com as contas em dia. Antônia acabou de perder o emprego e seu marido, João, trabalha numa fábrica prestes a ser fechada. Em protesto pelo aumento abusivo dos preços, um grupo de donas de casa acaba saqueando um supermercado. Antônia participa do ato, o que desencadeia uma sequência de incidentes que vai exigir muito jogo de cintura e criatividade, gerando soluções inesperadas a medida que ela, com o auxílio relutante de Margarida, tenta evitar que o seu marido, homem honesto e de fortes princípios, e as forças da lei, que vasculham todas as casas, descubram os itens roubados.
Não vamos pagar! trata-se de uma comédia de riso franco, sem subterfúgios, onde o falso e o absurdo tomam conta da narrativa.
Informações retiradas: Não Vamos Pagar!
Ingressos: Não Vamos Pagar!
É com muito orgulho que trago essa peça para o Brasil,  nesse momento político e econômico tão difícil que faz com que esse texto, escrito na Itália em 1974, se torne tão atual. Virginia Cavendish
Elenco: Virginia Cavendish, Marcello Airoldi, Luisa Vianna, André Dale e Zéu Britto.
Teatro Folha.

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Grandes Pequeninos.

Grandes Pequeninos.
Jair Oliveira e Tania Khalil em "O Mundo É Grande E Pequenino".
Domingo (15/10), aconteceu o show Grandes Pequeninos na Avenida Paulista e foi simplesmente fantástico, que trabalho lindo e encantador.

Parabéns casal (Tania e Jair), vocês merecem todo o carinho e sucesso, e obrigada ao Centro Cultural Fiesp por proporcionar esses momentos incríveis.

Em 2007 chega Isabella, primeira filha do casal Tania Khalill e Jair Oliveira, junto dela nasce o projeto Grandes Pequeninos. A partir de músicas criadas por Jair, sobre a experiência de ter uma nova integrante na família, o que eram só letras se transformou em um CD/livro utilizado por pais, educadores e pedagogos. Em 2009, foi indicado ao Grammy Latino, o prêmio mais conceituado da música.
O Mundo é Grande e Pequenino faz parte do segundo volume do projeto, que conta não só a experiência de ter um bebê, mas todas as nuances do universo familiar. O show é apresentado pelo próprio casal, e tem o intuito de estimular a comunicação, por meio de elementos lúdicos que envolvem circo, música e magia. O musical aproxima tanto o público adulto, como o público mirim de um cenário de muito amor, carinho, cuidado e diversão.
Informações retiradas: Centro Cultural Fiesp
Tania Khalil e Jair Oliveira.
Centro Cultural Fiesp.

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Pelé - O Nascimento De Uma Lenda.

PELÉ – O NASCIMENTO DE UMA LENDA
Jeffrey Zimbalist e Michael Zimbalist

Estreia dia 26 de outubro nos cinemas.

Hoje aconteceu a coletiva de imprensa do filme Pelé - O Nascimento De Uma Lenda, e contou com a presença dos atores Milton Gonçalves e de Leonardo Lima Carvalho. Pelé era a presença mais aguardada, mas devido a problemas de saúde, não compareceu.

Um rapaz que não tinha nada, mas que mudou tudo...
A história de Pelé, o maior jogador de futebol de todos os tempos, de sua infância na cidade mineira de Três Corações até a consagração ao ganhar a Copa do Mundo de 1958 pelo Brasil, com apenas 17 anos.
Sinopse:PELÉ conta a milagrosa história da ascensão do lendário jogador de futebol para a glória, desde quando era um garoto até se tornar o jogador de 17 anos que marcou o gol decisivo na primeira vitória do Brasil na Copa do Mundo, em 1958. De origem pobre e juventude repleta de dificuldades, Pelé usou seu único e pouco ortodoxo modo de jogar e seu espírito imbatível para superar as desvantagens, encontrar a grandeza e inspirar um país que mudou para sempre.
Informações retiradas do release para imprensa.
Elenco:Leonardo Lima, Kevin de Paula, Diego Boneta, Colm Meaney, Seu Jorge, Rodrigo Santoro, Vincent D’Onofrio, Marianna Nunes, Milton Gonçalves, Rafael Henrique, Marcus Vinicius, Julio Levy, Thelmo Fernandes e Felipe Simas.
Cinemark Shopping Iguatemi.

domingo, 15 de outubro de 2017

"Castelo Rá-Tim-Bum - O Musical". 🎶

"Castelo Rá-Tim-Bum - O Musical". 🎶
Voltei a ser criança. O musical é sensacional e perfeito em todos os detalhes. Adorei!!!
“A nossa vontade é compartilhar com os apaixonados pelo Castelo Rá-tim-bum as primeiras emoções de ver no palco esta história inédita, com personagens tão conhecidos e queridos por tanta gente”, explica Ricardo Marques, produtor do musical e presidente da 4Act Entretenimento.
O Musical é baseado na série Castelo Rá-tim-bum, criada por Cao Hamburger e Flávio de Souza, que estreou em 1994 e foi exibida originalmente até 1997, na TV Cultura, totalizando 90 episódios e mais um especial. Até hoje, a série é considerada um dos melhores produtos audiovisuais da história da televisão brasileira. 
Sinopse - Nino, um garoto feiticeiro prestes a completar 300 anos, vive em um castelo escondido entre os arranha céus de uma grande cidade. Nesse castelo, Nino tem a companhia de seu tio Vítor, feiticeiro e inventor de 3.000 anos, e sua tia avó, também feiticeira, Morgana de 6.000 anos. Além da família de feiticeiros, moram no castelo outras tantas criaturas fantásticas. Apesar de morar em um lugar tão fenomenal, Nino se sentia triste, pois queria ter amigos, ir à escola e brincar na rua como as outras crianças. Em um dia especial, comemoração de seu aniversário, a tristeza de Nino é
interrompida com a chegada de Pedro, Biba e Zequinha, três crianças sem magia, mas com o poder de alegrar a vida do menino feiticeiro. Tudo está indo muito bem, até que coisas estranhas começam a acontecer. Para salvar o Castelo e a todos, Nino terá que provar seu valor e encontrar o caminho da verdadeira magia.
Elenco - Roberto Rocha, Rodrigo Miallaret, Alessandra Vertamati, Igor Pushinov, Lipe Volpato, Laura Castro, Murillo Martins, Ana Araujo, ...
Informações retiradas - Teatro Opus
Teatro Opus.

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

2 Filhos De Francisco - O Musical

2 FILHOS DE FRANCISCO – O MUSICAL.
Baseado no filme “Dois Filhos de Francisco”
O Musical é dividido em dois atos. Na primeira fase do musical: Francisco Camargo tinha um sonho; transformar seus filhos em cantores sertanejos. E passou a incentivar seus filhos Mirosmar e Emival, a se apresentarem nas festas da cidade. Inesperadamente, a perda da propriedade onde moravam nos anos 70, obrigou toda a família a se mudar para Goiânia.
Para conseguir algum dinheiro para ajudar a comprar comida, Mirosmar e Emival começam então a se apresentar na rodoviária local e é lá que conhecem o empresário de duplas caipiras Miranda.

Miranda convence os pais da dupla a deixar que eles viagem com ele,fazendo shows. Os irmãos começam a fazer sucesso por onde passa, até que um acidente encerra a carreira da dupla.
A segunda parte do musical, mostra a trajetória de Zezé di Camargo. Depois de quase desistir da carreira artística, Mirosmar decide voltar a cantar, usando o nome artístico de Zezé Di Camargo.  Já casado e com duas filhas pequenas, Zezé tem dificuldades em sustentar a família. Mas, de repente tudo muda novamente em sua vida quando Zezé passa a se apresentar com seu irmão Welson, que adota o nome artístico de Luciano. E assim nasce a dupla sertaneja mais importante do país com uma bela história de garra e perseverança.
Informações retiradas: Tickets For Fun
Teatro Cetip.

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Hebe O musical.

HEBE O MUSICAL.
Estreia dia 12 de Outubro no Teatro Procópio Ferreira.

Estivemos na coletiva de @hebeomusical, que estreia no Teatro Procópio Ferreira. Simplesmente lindo, muito emocionada e feliz em poder ver um trabalho tão fantástico. Dá até para sentir a presença dela no palco de tão perfeito.
Da infância humilde em Taubaté, no interior de São Paulo, ao posto de rainha da televisão brasileira, Hebe Camargo ganha um musical, baseado na biografa escrita por Artur Xexéo e com direção de Miguel Falabella, que conta sua escalada profissional e os amores que passaram por sua vida. Embalado pelas canções que marcaram sua carreira de cantora, o espetáculo atravessa oito décadas nas quais, muitas vezes, os caminhos de Hebe e da TV no Brasil se confundem.
Com 21 atores em cena, orquestra composta por 09 músicos e mais de 30 técnicos envolvidos, a própria Hebe recebe o público que vai ao Teatro Procópio Ferreira e o convida a conhecer a sua história. A proposta é que o público acompanhe a grade de uma programação de TV típica dos anos 60. Nela, a garota-propaganda (Giovana Zotti) se atrapalha com os comerciais ao vivo e Leonor (Brenda Nadler), uma fã de Hebe Camargo, responde sobre a vida de seu ídolo ao peculiar apresentador de um programa de perguntas e respostas, Belo Garrido (Daniel Caldini). É através do conhecimento desta fã que a plateia acompanha o caminho da artista, que será interpretada por Carol Costa, na juventude, e Débora Reis, na vida adulta.
A relação de Hebe com os pais Fêgo Camargo (Carlos Leça) e Ester Camargo (Clarty Galvão), sua participação em programas de calouros e sua experiência de cantar no rádio formando conjuntos vocais com as primas Maria (Keka Quarterone) e Helena (Mari Saraiva), assim como com a irmã Stela (Fefa Moreira) também farão parte do enredo. As muitas amigas de Hebe são representadas por duas figuras bastante conhecidas do público: a também cantora Lolita Rodrigues (Renata Ricci), que Hebe conheceu ainda adolescente e de quem foi próxima a vida inteira, e Nair Bello (Renata Brás), com quem desfrutava noites de carteado e francas conversas regadas a gargalhadas. Ao lado de Lolita, vemos Hebe como cantora de boate num hotel do centro de São Paulo e sua participação na inauguração da primeira estação brasileira de TV.
 
A peça mostra o namoro de Hebe com o boxeador americano Joe Louis (Renato Caetano) e sua relação complicada, escondida do grande público, com o empresário Luís Ramos (Frederico Reuter). Paralelamente, acompanhamos o sucesso que ela alcança como apresentadora da TV Paulista, emissora onde chega a comandar seis programas semanais simultaneamente.
Seguem-se seu primeiro casamento, com o comerciante Décio Capuano (Guilherme Magon), o nascimento de seu único filho, Marcello (Adriano Tunes), e sua contratação pela TV Record, onde apresenta por oito anos o mais popular programa de entrevistas dos anos 60: uma atração que leva seu nome e que, por um bom tempo, foi campeã de audiência nas noites de domingo.
O musical registra também a separação de Décio, a rápida passagem pela TV Tupi, o trauma que a fez parar de cantar, os encontros hilários com Amâncio Mazzaroppi (Adriano Tunes) e Ronald Golias (Fernando Marianno), a carinhosa amizade com o cantor Agnaldo Rayol (Rodrigo Garcia/Frederico Reuter) e a união com o importador Lélio Ravagnani (Dino Fernandez), com quem viveu por 27 anos. Vemos Hebe tornar-se porta-voz da luta contra a corrupção em Brasília no programa que apresentou no SBT durante 24 anos e onde transformou em tradição o “selinho” que dava em seus convidados preferidos.
Com coreografias de Fernanda Chamma, direção musical de Daniel Rocha e e preparação vocal Guilherme Terra, que também será o maestro, Hebe – O musical traça a trajetória pessoal e profissional da mais carismática das apresentadoras de TV no Brasil e, por isso mesmo, a mais popular.
Informações - Morente Forte
Ingressos - Hebe O Musical
Debora Reis.
Teatro Procopio Ferreira.
Temporada 2017 ate o dia 17 de Dezembro.