♥ Seguidores♥

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

A Saga dos Foxworth - Virgínia C. Andrews

O jardim dos esquecidos (primeiro livro da saga) é um dos livros que lembro detalhadamente, apesar de ter feito muito tempo que o li. Acho que se deve principalmente por causa da carga dramatica e da narrativa muito forte. Para mim foi impossivel esquecer a história das quatro crianças que foram trancadas no sotão.
E por um acaso encontrei os outros livros e terminei de ler o último hoje. Fui intercalando com outros livros, porque foi impossível ler um atrás do outro ( eles são muito chocantes, tensos e tristes). É muita gente má, muito ressentimento, busca por vingança e principalmente fanatismo religioso.
Então deixo a dica para quem gosta de livros antiguinho, sei que nos Estados Unidos essa saga ficou super famosa, tem até filme, mais para mim os livros já foram de bom tamanho.
->A história gira em torno principalmente de amor, incesto e sacrifício.
-> Romance de paixões mesquinhas e exaltadas, envolve os personagens numa aura de pecados e maldição que se estende a todos os que o cercam.

A Saga dos Foxworth - Virgínia C. Andrews
1 -> O Jardim dos Esquecidos,
2 -> Pétalas ao Vento,
3 -> Espinhos do Mal,
4 -> Sementes do Passado,
5 -> O Jardim das Sombras.


1 - O Jardim dos Esquecidos.
No sótão estão escondidos quatro segredos - segredinhos louros, bonito,inocente e que lutam para sobreviver.Os quatro filhos da família Dollanganger levavam vidas perfeitas - uma bela mãe, um pai amoroso e dedicado, uma linda casa. De repente, o pai morre em um desastre automobilistico e a mãe fica endividade e não possuí qualificações para ganhar a vida e sustentar a família. Assim, decide escrever aos parentes - seus parentes milionários, dos quais as crianças nunca tinham ouvido falar. A mãe lhes fala dos avós ricos, de como Chris, Cathy e o gêmeos levaram vidas de príncipes e princesas na luxuosa mansão dos avós. As crianças deleitam-se com as perspectivas da nova vida, até descobrirem que existem algumas coisas que a mãe nunca lhes contou.

2 - Pétalas Ao Vento.
Eram crianças tão valentes para suportarem tanto sofrimento. Crianças tão espertas para escaparem a tamanho terror! Para Carrie, Chris e Cathy, o sótão era um horror sombrio que jamais lhes saia da cabeça, mesmo enquanto eles construíam vidas novas e promissoras. Naturalmente, a mãe tinha que fingir que eles não existiam. E a avó estava convencida de que eles traziam o demônio dentro de si. Mas a culpa não era deles, Era? Cathy sabia o que fazer. Agora, tinha os poderes que aprendera da linda mãe. Sabia-o pelo modo como o irmão ainda a desejava, pela maneira como o tutor a tocava, pelo jeito como todos os homens a olhavam. Ela sabia que chegara a ocasião de colocar em prática seu conhecimento. De mostrar à mãe e à avó que o sofrimento e terror no sótão não podiam ser esquecidos... Mostrar a elas - de uma vez por todas.

3 - Os Espinhos do Mal.
Das cinzas do mal, Chris e Cathy construíram um lindo lar para seus esplêndidos filhos...
Jory, de quatorze anos, era tão bonito, tão delicado. E Bart possuía uma imaginação tão brilhante para um menino de nove anos. Então, acenderam-se luzes na casa vizinha abandonada. E em breve a Velha Senhora de Negro passou a observá-los com olhos intrometidos, protegida por seu esquisito e velho mordomo. Logo a mulher de manto negro convidou Bart para tomar sorvete com bolinhos e lhe pediu para tratá-la por "Vovó". E a transformação de Bart começou...
Uma transformação brotada do "livro de segredos" que o esquelético velho mordomo lhe deu... e alimentada pela insinuação de fatos terríveis relativos a seus pais... uma transformação que o levou a cometer atos chocantes de vilência, autodestruição e perversidade.

4 - Sementes do Passado.
Era terrível a volta para Foxworth Hall, aquele casarão medonho aonde passará os anos mais atormentados de sua vida, pensava Cathy. Mesmo que se tratasse de uma réplica da Foxworth que conhecerá, era uma réplica que capitava toda a atmosfera de horror e perversidade demoníaca do avô Malcolm. Mas foi Chris quem se encarregou de desfazer os sombrios pensamentos de Cathy.
Nesse quarto livro, a história gira em torno do Bart e Jory já adultos.

5-Jardim das Sombras.
Olivia sonhou com um amor cheio de sol, uma vida feliz. Então entrou em Foxworth Hall. O livro gira em em torno de segredos terríveis e de paixões escuras, proibidas - do tempo antes das flores no sótão começarem. Muito antes que o terror florescesse no sótão, Olivia veio a Virgínia como noiva de Malcolm Foxworth. Imaginava que, com seu marido considerável alto, encontraria a alegria que tinha esperado. Mas na mansão sombria cheia de quartos e desejos escondidos, uma mancha de obsessão ciumenta começa a espalhar... um mal que ameaça suas crianças, dois meninos encantadores e uma muito especial, e bonita menina. Por dentro uma criança inocente, vidas secretas chocantes... um segredo que leva o nome orgulhoso de Foxworth, e assombra todas suas vidas para sempre.
- O Quinto livro é a história da avó perversa. Na verdade, esse livro poderia ter sido o primeiro da série.

10 comentários:

Gesiane disse...

pela sinopse dá pra sentir o peso das histórias...

Bia disse...

Oi Andreia!

Me tira uma dúvida... dá onde vc tira a idéia para ler esses livros? Indicação, blogs?

bjs

Jana- base girl =D disse...

Oi amiga!!outrso livros vc lê realmente muito rapido!!
esse livros parecem ser interessantes!!
bjokas
fique c/Deus

Olivia disse...

Até hoje, a única Olívia que protagonizou algum romance foi a de Érico verissimo em "Olhai os Lírios do Campo". Aliás, foi ela que inspirou a minha mãe e a mãe de tantas outras Olívias por aí. =)
Infelizmente, nunca ouvi falar desse autor.

Bah disse...

Nossa, essa vc resgatou de algum lugar que eu nem imaginava que existia rs... uma carinha de velho hein rs,..

Kisu!

JellyBen disse...

Qdo eu precisar de dicas de livros vou correr p ti.
Mas, estou lendo tantos aki do curso q minha cabeca doi. Sao tantas palavras novas q eu estou aprendendo q minha cabeca fica confundida.
Mas, preciso ler mesmo e livros em portugues.
Entao, Andrea imagina a cena das pessoas q pssavam por perto e se deparavam com a louca pulando? heheh
Bjs e obrigada!

Cristiane dos Santos disse...

Boa noite pessoal.

Tenho um exemplar do Sementes do Passado para vender ou trocar por outro da mesma saga. Que não seja o Pétalas ao Vento.

Bjks!

Camila P. Leitora disse...

Oi
Conheço toda essa saga e outros livros da Virginia
Gosto muito dessa autora, tanto que acabei escrevendo um post só sobre ela hihihi...
Gostei muito do que você escreveu, normalmente as resenhas e opiniões são bem ruins e tal e bem injusta pra mim. Realmente as histórias se desenvolvem muito em torno daquilo que não deveria ser combustível pra anda na vida e é isso que acho interessante. Na pesquisa que fiz, qndo foi lançado o 1o livro Andrews havia sido considerada até como uma precursora de um novo estilo, mais psicológico e tal...
bem legal :D
e ainda essa saga, ou melhor esse primeiro livro tem uma lenda sobre ter algo de vdd na história... mas como vc já leu deve ter visto que não rola...
Ai aii.. tem outra saga dela que foi lançada no país, a saga dos Casteel, foi com eles que comecei a conhecer a autora ^^
esses são mais chatinhos de achar em ebook, eu tinha um deles e achei outros pra comprar e outros na biblioteca pública da minha cidade rsrsrs e tem a série órfãos que não foi escrita por ela, mas pelo autor fantasma dela e é nessa série que há uma mudança no estilo de escrever, mas depois nos outros livros volta ao estilo da Virginia :D
isso pq ela deixou inúmeros manuscritos de outras histórias e até hoje são lançados livros dela...
nossa, me prolonguei um pouquinho rsrsrs
fiquei bem feliz ao ler sua recomendação de leitura e me empolguei ^^'
bjs e até
Camila Peitz
(Colaboradora do Blog Biblioteca da Luh)

Camila P. Leitora disse...

Oi
Conheço toda essa saga e outros livros da Virginia
Gosto muito dessa autora, tanto que acabei escrevendo um post só sobre ela hihihi...
Gostei muito do que você escreveu, normalmente as resenhas e opiniões são bem ruins e tal e bem injusta pra mim. Realmente as histórias se desenvolvem muito em torno daquilo que não deveria ser combustível pra anda na vida e é isso que acho interessante. Na pesquisa que fiz, qndo foi lançado o 1o livro Andrews havia sido considerada até como uma precursora de um novo estilo, mais psicológico e tal...
bem legal :D
e ainda essa saga, ou melhor esse primeiro livro tem uma lenda sobre ter algo de vdd na história... mas como vc já leu deve ter visto que não rola...
Ai aii.. tem outra saga dela que foi lançada no país, a saga dos Casteel, foi com eles que comecei a conhecer a autora ^^
esses são mais chatinhos de achar em ebook, eu tinha um deles e achei outros pra comprar e outros na biblioteca pública da minha cidade rsrsrs e tem a série órfãos que não foi escrita por ela, mas pelo autor fantasma dela e é nessa série que há uma mudança no estilo de escrever, mas depois nos outros livros volta ao estilo da Virginia :D
isso pq ela deixou inúmeros manuscritos de outras histórias e até hoje são lançados livros dela...
nossa, me prolonguei um pouquinho rsrsrs
fiquei bem feliz ao ler sua recomendação de leitura e me empolguei ^^'
bjs e até
Camila Peitz
(Colaboradora do Blog Biblioteca da Luh)

Janaina disse...

Ontem acabei de ler o último livro da série. Realmente uma saga que fica na memória de quem o lê. Muito chocante.
Acho que se esse último livro é interessante por nós mostrar que na verdade, Carrie não havia se casado com seu meio tio mas sim com seu meio irmão! Amei vontade de ler todos novamente.
http://cantinho-da-janaina.blogspot.com.br/