♥ Seguidores♥

Mostrando postagens com marcador #centroculturalfiesp. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador #centroculturalfiesp. Mostrar todas as postagens

domingo, 8 de novembro de 2015

O Gigante Egoísta.

O Gigante Egoísta.
Oscar Wilde. 
Depois de passar sete anos na casa de seu amigo Ogro, o Gigante descobre que crianças invadiram o palacete para brincar no jardim. Furioso, ele as expulsa de sua propriedade e constrói um muro que o separa do resto da cidade. Isolado e sozinho, o Gigante percebe que o inverno hospeda-se definitivamente em sua casa e que a primavera recusa-se a voltar ao seu lindo e adorado jardim, agora tão feio e ressequido, eternamente coberto pelo gelo e pela neve. A chegada de um menino que resolve brincar nesse espaço, apesar da proibição, traz de volta a primavera e faz com que o Gigante reconheça o quanto tinha sido egoísta. Nesse conto, Oscar Wilde (1854-1900) faz uma crítica ao individualismo da era vitoriana e da sociedade industrial, que estava em seu início, por meio da figura de um avassalador gigante. Conto singelo e poético, aborda a importância de as pessoas serem mais tolerantes e de valorizarem a amizade como um dos pilares da sociedade.   
Sinopse retirada do livreto da peça.
 História linda que nos faz refletir sobre diversos aspectos das atitudes humanas. A peça O Gigante Egoísta foi muito bem contada através de bonecos de manipulação e das máscaras que os atores usaram em cena (que permitiu que a história se tornasse mais real). A criançada que estava assistindo a peça adoraram e os adultos também.
Teatro de Sesi-SP.